Prefeitura Ilha Solteira - Banco de Notícias (Jan 2010 | Out 2016)

Voltar

Todos juntos contra a Dengue

 

Equipes voluntárias do pessoal da Secretaria Municipal de Saúde realizou neste sábado (10) mutirão de orientação e conscientização para o combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya, zika vírus e doenças associadas: microcefalia e doença de Guillain­Barrê. È a nova adesão ao “Todos Juntos Contra a Dengue” um programa em parceria com o Governo do Estado de São Paulo que visa o controle deste mosquito que vem preocupando por demais as autoridades sanitária, haja vista que novas doenças, já conhecidas em outras partes do mundo, foram introduzidas recentemente no País: a febr chikungunya e o zika vírus. 
 
Esta última sendo causadora de mais duas complicações, a síndrome de Guillain­Barrê e a microcefalia. A primeira adesão a este Programa ocorreu de fevereiro a abril deste ano e foi possível, trabalhando aos sábados, quebrar várias pendências na entrada e vistoria de imóveis fechados, possibilitando assim a eliminação de variados criadouros do Aa.
 
No sábado as equipes realizaram os trabalhos de controle de criadouros ao lado continental oeste da Cidade, que vai desde o bairro Morumbi até o CDHU, lado noroeste. O próximo sábado a ser trabalhado, dia 24, será a parte leste, lado atlântico da Cidade englobando desde os bairros Pôr do Sol, no Sul até o Jardim Aeroporto.
 
Esta parceria com o Governo do Estado e Prefeitura Municipal de Ilha Solteira segue até dezembro 2016, com as equipes voluntárias da saúde trabalhando aos sábados, a cada 15 dias. As visitas aos sábados favorece a abertura de um maior número de imóveis e isto é fator preponderante na intensificação e conscientização dos moradores nesta guerra contra o Aedes aegypti.
 
“Todos Juntos Contra a Dengue”: O mosquito agora está mais forte e transmite além da dengue, a febre chikungunya, zika vírus e doenças associadas: a microcefalia e a síndrome de Guillain­Barrê. Não podemos perder essa guerra que é de todos! Onde há criadouro, há mosquito, onde há mosquito, há doenças. Pense nisso!

Publicado em: 2016-09-12 14:30:23