Para chamar atenção da sociedade sobre a importância da segurança no trânsito, foi lançado o Movimento Maio Amarelo, que foi proposto pela ONU – Organização das Nações Unidas e pelos países participantes da Década de Ações para a Segurança no Trânsito – 2011-2020.  No Brasil, os Governo Federal e Estadual estão juntos nessa campanha e Ilha Solteira não poderia ficar de fora. O Setor Municipal de Trânsito em parceria com a 289º CIRETRAN (Detran/SP), realizaram durante todo mês atividades educativas em vários pontos da cidade.
 
Com faixas, cartazes, adesivos e uma “Foca” inflável (cedida pelo DETRAN/SP) e equipe composta por cerca de vinte funcionários da Secretaria Municipal de Segurança, Trânsito, Transporte e Defesa Civil, identificada com camisetas amarelas com a logomarca do movimento, realizaram as ações educativas em diversos locais. Além disso, no dia 25, participaram do Seminário de Redução de Acidentes, que se realizou na Faculdade de Medicina – UNESP, na cidade de Botucatu-SP, a GM Juliana Lacerda Ferreira, responsável pelo Setor de Trânsito, e o Sr. Evandro Souza dos Santos, responsável pelo Setor de Sinalização. Na primeira palestra o Sr. Rodrigo Luiz Fumis, Secretário Adjunto, apresentou o “Programa de Redução de Acidentes de Botucatu”, bem como os resultados obtidos. Já o Dr. Dirceu Rodrigues Alves Junior, Médico da ABRAMET – Associação Brasileira de Medicina do Tráfego, falou sobre “Velocidade e Tecnologias”, enfatizando os fatores de risco nas vias públicas.

 

Vale ressaltar que o Movimento Maio Amarelo obteve grande sucesso em participação popular e nas redes sociais com a divulgação das fotos usando as hastags: #MaioAmarelo, #MinhaEscolhaFazADiferança e #FocaNoTransito. Esta última, refere-se a Campanha do DETRAN/SP que utilizou o animal “foca”, para chamar a atenção, principalmente dos motoristas, já que a imprudência é responsável por 94% dos acidentes de trânsito.

 

Informações enviadas pela Secretaria Municipal de Segurança, Transito, Transporte e Defesa Civil.